Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Minimalismo Num Pedestal

Não é preciso ter muito, desde que se tenha as coisas certas.

Minimalismo Num Pedestal

Não é preciso ter muito, desde que se tenha as coisas certas.

19
Abr20

Sobreviver na Quarentena

Goulart Pinheiro

Os tempos que vivemos estão envoltos em incerteza, ansiedade e confusão.

As notícias sobre coisas relacionadas com isto são inúmeras, a informação que passa é díspar, envolta em falsas informações, diferentes interpretações e toda uma panóplia de coisas vão acontecendo que não nos deixam concentrar e manter a sanidade mental. 

 

Mas eu tenho a solução para isso: desligue a TV, desligue as redes sociais. 

Guarde uma hora por dia para ver as notícias. A forma como vivemos hoje permite-nos que não tenhamos que estar em frente à TV entre as 20h e as 21h à espera do telejornal, dando-nos a alternativa de consultar online ou através dos canais de notícias a qualquer hora. Guarde uma hora para ver as notícias e mais nada. A verdade é que as notícias não mudam muito em 24h, para não dizer praticamente nada, por isso, não ache que está a perder informação valiosa.

 

Guarde outro momento, outra hora para visitar as redes socias e asbtenha-se de acreditar em tudo o que lê e em tudo o que vê. Até pela sua sanidade mental. 

 

Aproveite para fazer outras coisas igualmente estimulantes, como ler, visitar sites de minimalismo e vídeos no Youtube sobre como tornar a sua casa num sonho como nunca teve a oportunidade antes. 

 

O mais importante: mantenha a sua sanidade mental. E se sentir que não está a conseguir, não hesite em pedir ajuda. Isso não faz de nós menos do que ninguém, antes pelo contrário. Faz de nós pessoas inteligentes, que sabem avaliar o seu próprio estado mental e pedir ajuda antes que seja tarde de mais. 

Contacte a linha SNS24 ou outros contactos disponíveis neste link.

 

Comentar:

Mais

Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.

Este blog tem comentários moderados.

Este blog optou por gravar os IPs de quem comenta os seus posts.

Mais sobre mim

foto do autor

Sigam-me

Sobre Isto

O minimalismo apresentou-se a mim não como uma moda a adoptar no momento, mas como um estilo de vida a adoptar sempre. Como Ecologista convicta, sou totalmente contra o estilo de vida de consumo desenfreado que vivemos nos dias de hoje em que interessa ter muito. Acredito que "o caminho se faz caminhando" e por isso não coloco quaisquer expectativas sobre o que o futuro trará, ao invés, acredito nas mudanças presentes e que devemos viver agora o que deve ser vivido agora. Ter muitas coisas ocupa muito espaço físico e mental, muita preocupação. Minimalizar tornou-se uma prática de relaxamento e em que ter pouco é ter muito mais.

Arquivo

  1. 2020
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2019
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2018
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2017
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2016
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2015
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
Em destaque no SAPO Blogs
pub