Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Minimalismo Num Pedestal

Não é preciso ter muito, desde que se tenha as coisas certas.

Minimalismo Num Pedestal

Não é preciso ter muito, desde que se tenha as coisas certas.

17
Nov15

Produtos #noite

Goulart Pinheiro

Hoje trago-vos a lista dos produtos que utilizo à noite, e a rotina que utilizo. Tal como de manhã, também à noite decidi minimizar, uma vez que o minimalismo não escolhe horas do dia. Tento, igualmente, utilizar produtos que seja o mais amigos do ambiente possível, embora o nosso mercado ainda não ofereça grandes opções nessa área, e muitas vezes, são opções relativamente caras.

 

Assim sendo, vamos começar.

 

Uma vez que utilizo eyeliner e máscara pretas, muitas vezes lavar só não é suficiente para remover a maquilhagem toda, por isso, utilizo este eye make up remover da Nivea.

 

Depois, para remover o resto da maquilhagem e parte da sujidade, utilizo a água micelar da Garnier. (Foi a única que experimentei até agora, mas gosto dela).

 

Para lavar a cara utilizo este sabão do Dr. Organic. É de Tea Tree, compro no celeiro e penso que custa à volta dos 3€. Diz que é bom para peles oleosas e com acne. Não tem químicos agressivos e não é testado em animais.

 

 

Como hidratante utilizo este gel da Jason, também compro no Celeiro, custa à volta de 8€, mas dura quase 1 ano. Não tem parabenos, ftalatos, cor artificial e também não é testado em animais.

 

Por fim, utilizo este tubinho como batôm do cieiro e debaixo dos olhos porque combate as olheiras (embora só se note ao fim de algumas utilizações).

 

Esta é a minha rotina nocturna. Irei, mais para a frente falar de alguns produtos em particular a dar a minha opinião sobre eles, se achar pertinente.

Comentar:

CorretorEmoji

Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.

Este blog tem comentários moderados.

Este blog optou por gravar os IPs de quem comenta os seus posts.

Mais sobre mim

foto do autor

Sigam-me

Sobre Isto

O minimalismo apresentou-se a mim não como uma moda a adoptar no momento, mas como um estilo de vida a adoptar sempre. Como Ecologista convicta, sou totalmente contra o estilo de vida de consumo desenfreado que vivemos nos dias de hoje em que interessa ter muito. Acredito que "o caminho se faz caminhando" e por isso não coloco quaisquer expectativas sobre o que o futuro trará, ao invés, acredito nas mudanças presentes e que devemos viver agora o que deve ser vivido agora. Ter muitas coisas ocupa muito espaço físico e mental, muita preocupação. Minimalizar tornou-se uma prática de relaxamento e em que ter pouco é ter muito mais.

Arquivo

  1. 2019
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2018
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2017
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2016
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2015
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D