Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Minimalismo Num Pedestal

Não é preciso ter muito, desde que se tenha as coisas certas.

Minimalismo Num Pedestal

Não é preciso ter muito, desde que se tenha as coisas certas.

23
Nov15

Produtos #cabelo

Goulart Pinheiro

O post hoje também será sobre produtos, sendo que hoje trago o tema #cabelo. Já fui bastante interessada neste tema, e tentava sempre experimentar novos produtos. No entanto, para além de ter surgido o minimalismo, também perdi um pouco o interesse por isso, porque acho que passei a gostar muito dos produtos que utilizo, com excpeções que colocarei mais à frente. Salvo raras excepções, tento ficar-me pelos básicos.

 

Em primeiro lugar quero esclarecer que o meu cabelo tem uma tendência oleosa nas raízes e seco nas pontas, o que dificulta um pouco a escolha.

 

Este é o champô que eu uso, é da linic e serve para o controlo da oleosidade. Gosto da textura do champô e pelo facto de ser realmente eficaz no meu couro cabeludo.

 

Este é o amaciador que utilizo (da mesma marca que o creme da cara) e que compro no celeiro. É especial para cabelos secos. Não tem parabenos, sls, corantes artificiais e não é testado em animais. E é realmente bom para quem tem o cabelo seco.

 

Ultimamente tenho utilizado a máscara da Pantene Repara & Protege. Uso-a duas vezes por semana. No entanto, não gosto muito. Sinto sempre o cabelo pesado e não gosto da sensação, por isso, estou correntemente à procura de outro.

 

Para finalizar, utilizo o Óleo Maravilhoso da Garnier que deixa o cabelo suave durante todo o dia e do qual gosto imenso do cheiro.

Comentar:

CorretorEmoji

Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.

Este blog tem comentários moderados.

Este blog optou por gravar os IPs de quem comenta os seus posts.

Mais sobre mim

foto do autor

Sigam-me

Sobre Isto

O minimalismo apresentou-se a mim não como uma moda a adoptar no momento, mas como um estilo de vida a adoptar sempre. Como Ecologista convicta, sou totalmente contra o estilo de vida de consumo desenfreado que vivemos nos dias de hoje em que interessa ter muito. Acredito que "o caminho se faz caminhando" e por isso não coloco quaisquer expectativas sobre o que o futuro trará, ao invés, acredito nas mudanças presentes e que devemos viver agora o que deve ser vivido agora. Ter muitas coisas ocupa muito espaço físico e mental, muita preocupação. Minimalizar tornou-se uma prática de relaxamento e em que ter pouco é ter muito mais.

Arquivo

  1. 2019
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2018
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2017
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2016
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2015
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D