Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Minimalismo Num Pedestal

Não é preciso ter muito, desde que se tenha as coisas certas.

Minimalismo Num Pedestal

Não é preciso ter muito, desde que se tenha as coisas certas.

18
Dez18

Limpeza da Máquina de Café

Goulart Pinheiro

Lá em casa utilizamos duas máquinas de café.

Uma da Nespresso (passo a publicidade) que nos foi oferecida, mas que, no entanto, não é particularmente ecológica considerando a quantidade de plástico utilizado por cada cápsula de café e a outra é estilo italiana, que faz um excelente café e que é bastante mais ecológica considerando que utiliza café de saco.

Esta última é igualmente bastante mais fácil de limpar, uma vez que é toda desmontável e permite lavar e limpar todos os componentes separadamente utilizando água e detergente ou só água porque a minha mãe sempre me disse que não se deve lavar com detergente porque altera o sabor do café!

Mas no que toca à da Nespresso, é bastante mais difícil, uma vez que ela não é desmontável, ou pelo menos, não de maneira fácil.

Pior que isso, é o facto de que estas máquinas ganham calcário entre outras "porcarias" no seu interior, sobretudo na tubagem, o que faz com que uma máquina que tinha um considerável jacto, passa a despejar um fiozinho de café, o que faz com que cada café demore 5 minutos a tirar.

Comprar produtos específicos ou levá-las à loja é um pouco dispendioso, ainda por cima para fazer um trabalho que o nosso velho amigo vinagre de sidra faz tão bem.

Assim sendo (e eu já testei, por isso, estão à vontade), fica aqui a receita para limpar este tipo de máquinas.

  1. Colocar no depósito de água vinagre de sidra até meio e encher o resto com água;
  2. Colocar a correr;
  3. Quando o vinagre e a água terminarem, colocar apenas água e fazer correr novamente.
  4. Cheirem o depósito. Se ainda vos cheirar demasiado a vinagre, passem novamente por água, mas lembrem-se de que o cheiro a vinagre desaparece rapidamente e prometo que o primeiro café não irá saber a vinagre!

 

 

Comentar:

CorretorEmoji

Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.

Este blog tem comentários moderados.

Este blog optou por gravar os IPs de quem comenta os seus posts.

Mais sobre mim

foto do autor

Sigam-me

Sobre Isto

O minimalismo apresentou-se a mim não como uma moda a adoptar no momento, mas como um estilo de vida a adoptar sempre. Como Ecologista convicta, sou totalmente contra o estilo de vida de consumo desenfreado que vivemos nos dias de hoje em que interessa ter muito. Acredito que "o caminho se faz caminhando" e por isso não coloco quaisquer expectativas sobre o que o futuro trará, ao invés, acredito nas mudanças presentes e que devemos viver agora o que deve ser vivido agora. Ter muitas coisas ocupa muito espaço físico e mental, muita preocupação. Minimalizar tornou-se uma prática de relaxamento e em que ter pouco é ter muito mais.

Arquivo

  1. 2019
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2018
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2017
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2016
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2015
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D