Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Minimalismo Num Pedestal

Não é preciso ter muito, desde que se tenha as coisas certas.

Minimalismo Num Pedestal

Não é preciso ter muito, desde que se tenha as coisas certas.

11
Jan16

Dia 11 #30diasdesafiominimalismo

Goulart Pinheiro

O desafio de hoje consiste em avaliar os nossos compromissos. Como é óbvio, não o irei fazer publicamente. No entanto, acho que é um assunto importante por diversas razões.

 

 

Muitas vezes aceitamos demasiados compromissos e acabamos a ter demasiado no "nosso prato" e não sabemos como lidar com as situações, ou como estar presente em todas.

 

Por vezes é necessário saber dizer não quando não pretendemos ocupar mais o nosso tempo com mais uma coisa, e é importante saber que se encontramos algo de que gostamos mais do que os compromissos que temos anteriormente, temos que saber desvincular-nos de um desses compromissos para dar lugar ao novo. Não só para que as nossas horas de sono não sejam afectadas, como a nossa vida pessoal.

 

Assim sendo, aconselho-vos que façam uma lista das vossas prioridades, dos vossos objectivos, etc. e pensem sobre as coisas com as quais se comprometeram e quais querem manter e quais não querem manter, e quais os novos compromissos que querem aceitar.

Comentar:

CorretorEmoji

Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.

Este blog tem comentários moderados.

Este blog optou por gravar os IPs de quem comenta os seus posts.

Mais sobre mim

foto do autor

Sigam-me

Sobre Isto

O minimalismo apresentou-se a mim não como uma moda a adoptar no momento, mas como um estilo de vida a adoptar sempre. Como Ecologista convicta, sou totalmente contra o estilo de vida de consumo desenfreado que vivemos nos dias de hoje em que interessa ter muito. Acredito que "o caminho se faz caminhando" e por isso não coloco quaisquer expectativas sobre o que o futuro trará, ao invés, acredito nas mudanças presentes e que devemos viver agora o que deve ser vivido agora. Ter muitas coisas ocupa muito espaço físico e mental, muita preocupação. Minimalizar tornou-se uma prática de relaxamento e em que ter pouco é ter muito mais.

Arquivo

  1. 2019
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2018
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2017
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2016
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2015
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D